Propostas de Gerson Mota para fiscalizar bem e melhorar a cidade

COMPARTILHE EM SUAS REDES SOCIAIS

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on email
Email

1) Propor a ampliar a quantidade de Eco Pontos na cidade (Hoje apenas 13 para uma cidade de mais de 700 mil habitantes e em crescimento horizontal) melhorando a logística para os transportadores (Muitos são carroceiros) que tem de andar longas distâncias para descartar os resíduos, sacrificando os animais e ou onerando o custo desse transporte, e muitas vezes colaborando para o descarte irregular.

2) Propor a ampliação do número de vagas em creches e pré-escolas e criar mecanismos que deem suporte aos pais que não tem onde deixar as crianças para trabalhar nos períodos das férias.

3) Propor a uma redução drástica no tamanho da máquina pública administrativa e reverter os recursos gastos nas atividades fins nas áreas e educação, saúde, habitação, transito, Serviços Urbano, Prevenção ás Drogas e assistência social

4) Propor e apoiar projetos de treinamentos e melhoria das condições de trabalho dos profissionais de saúde como médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, agentes de saúde e administrativos.

5) Propor e apoiar a redução em no mínimo 30% o orçamento para o poder legislativo (Câmara) através da redução do número de assessores pra cada gabinete diminuído se assim as despesas gerais.

6) Propor a descentralização do atendimento de todos os serviços públicos prestados pela administração pública para os bairros mais distantes, distritos e comunidades rurais.

7) Propor a reativação da Secretaria de Habitação incentivando pequenas construtoras a criar novos projetos habitacionais beneficiando a população que se encontra sem oportunidade de ter seu imóvel e incentiva o desenvolvimento de pequenas e médias construtoras.

8) Propor e apoiar projeto de desburocratização dos processos das empresas na Secretaria de Finanças que além de travar os processos, burocratiza a abertura das empresas, onera muito as empresas e contabilistas além de inchar a máquina pública gerando gastos desnecessários.

9) Propor a criação do SIMPLES MUNICIPAL com escalonamento de isenção do ISS para empresas em início de atividades e isenção de taxas adicionais nos 4 primeiros anos de atividade.

10) Propor a criação da Superintendência de Pequenos Negócios para dar apoio a autônomos e pequenos empresários, com redução ou isenção das taxas exorbitantes cobradas, e criar mecanismos de microcrédito para os pequenos negócios.

11) Propor a regionalização do atendimento de média complexidade (Consultas especializadas e exames), hoje feito nas UAIs de forma precária, diminuindo os transtornos de locomoção para consultas em regiões diversas (muitas vezes fora de seu bairro) ampliando e modernizando esses espaços, treinando e criando incentivos aos funcionários e melhorando o acolhimento aos pacientes e familiares e aumentando a oferta de especialidades, medicamentos e exames.

12) Propor a REDUÇÃO de 50% do SALÁRIO do vereador (Hoje 15.000,00) para 7.500,00 (o que equivale a 2 salários de referência do DIEESE) o que deve gerar uma economia de 25% das despesas da Câmara Municipal, recurso esse que poderá ser destinado á outros setores com maior demanda de recursos.

13) Propor, parceria com o poder executivo, a criação de mecanismos que permitam a igualdade no atendimento das demandas da população apresentadas por TODOS os vereadores na câmara, independente do partido ou se está na base de apoio ao prefeito ou não. Isso se faz necessário para evitar que as demandas de um vereador que não é da base do prefeito não seja atendida pelo poder executivo, o que prejudica diretamente a população.

14) Propor a democratização do acesso aos prestadores de serviços de transportes alternativos (Vans) no transporte público municipal com igualdade de condições, integrando os ao atendimento hoje realizado por ônibus, diminuindo o custo do transporte ao usuário e gerando mais oportunidades de trabalho aos proprietários de Vans.

Deixe uma resposta

Artigos Relacionados.